Pesquisar este blog

sábado, 30 de agosto de 2008

Meu Sol

Hoje acordei cedo para ver o sol nascer...
Ele com seus raios brilhantes,
Meus sofrimentos ele faz desaparecer.
Quando o vejo durante o dia, parece um diamante.

Faz meu olho arder. E eu choro...
É de tão pura beleza...
Agora eu sinto com clareza,
Que com certeza, eu o adoro...

Era uma vez a Tempestade...
Parecia maléfica, mas o sol a levou embora...
Com seu brilho incandescente, acaba com qualquer maldade...

Eu não vejo a hora...
A hora de ter-te meu sol...
Não a quero apenas debaixo de um lençol.

Eu lhe trarei amor...
Em troca quero um verdadeiro...
Quero poder acordar e sentir seu odor...
Sem você meu sol, eu não me sinto inteiro!




O.N.A.B

Lua cheia

Aqui estou no meio da noite solitária...
Observo a lua nascer...
Por que a maioria é mercenária?
Eu apostei tudo e agora venho a perder...

Sinto baixo o nível de plasma...
Sinto meu corpo em chamas...
Acho que estou vendo um fantasma.
A quem pensas tu que enganas?

Para onde foi toda minha afoiteza?
Quando a vejo tenho poliopia...
Meu corpo e alma estão em conflito...

Saia do meu lado tristeza...
Já basta a ter todo dia...
Será o amor um mito?



O.N.A.B

Em nome do amor

(Dedicado a alguém especial)

Quero poder tocar sua pele de porcelana...
E sentir teu corpo rente ao meu...
Vou dizer o que meu coração proclama:
“Eu pedi um anjo e ajuda. Veja o que Ele me deu!”

Posso não ser seu homem no momento...
Mas tenho quase certeza de que um dia serei.
Mas não sei dizer se será um processo lento...
Farei de tudo para que um dia seja teu rei.

Quero poder: Sentir sua respiração...
Sentir seu coração pular de nervosismo...
Compartilhar nossas diferenças...

Entregar tudo para o coração...
Nunca cair no abismo...
Nunca deixar de sentir tua presença...

O.N.A.B

Nunca

Nunca diga que nunca conseguirei...
Nunca diga que é muito cedo,
Nunca dia a eles seu medo...
Nunca diga que eu não te amei.

Nunca deixe de dizer a verdade.
Nunca deixe de ser carinhosa...
Nunca deixe de acreditar na felicidade.
Nunca deixe de ser minha rosa...

Nunca chore.
Nunca deixe de ser forte!
Nunca houve sorte...

Espero que não demore...
Nunca é tarde para acreditar
Que ainda podemos nos amar...

O.N.A.B

Chamas da escuridão

Encontro-me no lugar mais sombrio do mundo...
Olho para o lado e vejo uma luz...
A luz do meu corpo em chamas...
Caí no buraco mais fundo...

Aqui neste lugar, nada reluz...
Enquanto busco uma saída, tu reclamas...
Escuto continuamente o som do vento soprando no pinheiro.
Às vezes ouço vozes induzindo-me a maleficência...

Neste lugar perdi-me por inteiro...
Sinto que estão tomando da minha essência.
Enfiaram-me um punhal...

E cegaram minha vista.
Queria ser um pouco menos pessimista,
Para que essa coisa não seja letal...




O.N.A.B

Anjo da Morte

Hoje o anjo da morte veio à minha procura,
De longe eu senti tal presença...
Agora estou sozinho nesta noite escura...
Não sei de onde vem minha descrença...

Eu vejo o céu todo estrelado,
E sinto que logo irei embora...
Você me deixou magoado.
E me deixou essa solidão que me apavora!

Demorei para construir meu amor,
E você o destrói em menos de um segundo...
Veja como me deixastes imundo...

Com o peito aberto eu assumo uma cor,
Que tão cedo me traz sono...
Eu me pergunto o porquê do seu abandono...

A hora chegou, e avisto um jardim...
Vejo você segurando um jasmim...




O.N.A.B

O Sol... A Lua

Ontem parei para pensar...
O dia, a noite... O sol, a lua...
Por que eles nunca podem se encontrar?
Ela te ama! Não vê? Ela quer ser sua...

O sol só sabe brilhar...
A lua está cansada de chorar.
O sol traz alegria às pessoas,
Enquanto a lua serve de consolação...

Ela traz rimas das boas...
Enquanto ele dá a sensação de transpiração.
Seu amor parece imortal...

Já sua tristeza é fatal.
Lindo é quando ela troca o lençol...
Ela troca o preto por azul e chama o sol.

Quando ele chega ela já foi embora...
Parece que o amor dela é impossível!
Ela quer amá-lo agora!
Por que ele é tão insensível?

Hoje eu vi que sou a lua...
Você é o sol incandescente.
Amanhã não irei para rua,
Porque é dia de lua crescente.





O.N.A.B

O cedo não existe

Sinto saudade do que nunca fomos...
Sinto falta do seu sorriso angelical...
Ainda não entendi o que nos tornamos,
Quero saber se o que vivi foi real.

Se foi, espero não ter sido miserável;
O que é, para você, ser feliz?
Responda-me, sem que essa seja variável...
Às vezes pergunto-me se tu és atriz...

Estou num barco sem suprimento,
Vejo água chegando ao meu dedo.
Estou prestes a afundar a qualquer momento...

Eu sei que nunca foi tão cedo...
E nunca será tarde de mais,
Para eu mostrar-lhe que sou capaz.


O.N.A.B

Amizade verdadeira

Já parou para pensar quantos amigos você tem?
É bom poder compartilhar suas tristezas...
Se um dia eu decidir contar a alguém,
Esse alguém será você amigo, com certeza!

Ultimamente eu tenho me sentido só...
Com insegurança, pedi ajuda a Deus...
Perguntam-me se tenho amigos e minha garganta dá um nó.
Hoje vejo que tenho poucos, e mesmo assim amo os meus!

Pois são eles que me ajudam a levantar...
Por que eu ser errante não sei amar...
Com eles ao meu lado, nada irá me abater!

Nunca mais irei sofrer.
Pelo menos por solidão...
Sei que ao meu lado andarão...



O.N.A.B

O que é a vida

Nem todo mundo diz a verdade sobre o que é a vida...
E todo mundo, cinicamente, diz que tudo terminará bem...
Outras dizem que tudo tem sua hora... Eu vou além...
Estou cansado de ver a humanidade não mais florida...

Vejo pessoas rindo, vejo pessoas chorando;
Vejo pessoas se divertindo, vejo pessoas se matando;
Vejo pessoas discutindo, vejo pessoas se beijando;
Vejo pessoas dormindo, vejo pessoas se amando.

Eu vejo o quê pessoas não vêem, e sinto também.
Às vezes vejo que não sou de ferro...
Às vezes penso se amaria alguém...

E na maioria das vezes eu a enterro...
Eu vejo o quanto todos podem ser felizes,
E em seu reflexo eu sinto minhas cicatrizes...




O.N.A.B

Sem mais segredos

Por mais que eu diga não,
No fundo há uma voz que me contradiz...
Por mais que eu procure uma resposta,
Ela nunca estará debaixo do meu nariz...

Por mais que eu te ame,
Nada mudará seu ver...
Por mais que eu reclame,
Isso sempre irá arder...

Por mais que eu insista,
Haverá uma hora que irei me cansar...
Se o coração falar não resista!

Sua vida ela há de mudar...
Por mais que a noite seja fria,
Ela passará e virá um novo dia.



O.N.A.B

O mais esperado dia

Você era a luz no poço...
Agora não passa de escuridão.
Por que tentas amar àquele moço?
Não vê que ele partiu seu coração?

Eu aguardarei por toda eternidade...
E quando o dia chegar, eu poderei ir para o céu.
Enquanto não chega, observarei a humanidade,
E tentarei torna-la não mais cruel...

É verdade que você me magoou,
E também me mostrou o caminho...
Agora veja o que você me tornou.

Fez de mim um ser sozinho...
Um ser sem coração...
Você o segura em sua mão...




O.N.A.B

Dissidência da vida

Estou farto desta monotonia...
Não agüento ser este ser dissimulado...
Disposto a morrer todo dia...
Sinto-me mutilado...

Se morrer fosse ficar triste,
Morreria todo minuto...
Não sei por que sorriste
Para mim... Sei que sou matuto...

Não suporto este cansaço...
Acordo com vontade de descansar...
Pareço estar perdido no espaço...

Espero um dia me encontrar...
Quero acabar com esse dissabor,
Antes que ele acabe com meu amor.



O.N.A.B

Mulher

Algo quase perfeito...
Quase sempre maravilhoso...
Em suas curvas vejo um lugar estreito,
Que lhe traz o prazer do gozo...

Vejo seu requebrar...
É de arrancar olhares...
Amarro-me em seu olhar...
Jaz sucesso em todos os lugares.

Adoro seu cabelo ondulado...
Amo o perfume em seu corpo,
Que me mantêm grudado ao seu lado...

Eu me perco em seu quadril,
E me fascino com seu batom cor de anil...
Eu acho deslumbrante seu jeito de ser.

Ficaria contigo até eu morrer...
Mais belo que você Mulher,
Só o nosso amor...
Eu sei o quê você quer...

Nunca partirei seu coração...
E saiba que estarei sempre por perto,
Caso precise ouvir alguma coisa me chame...
Direi em menos de um segundo: Eu te amo!


O.N.A.B